terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Aptana, o substituto do Dreamweaver para Linux

Uma das grandes dificuldades dos utilizadores que gostam de Web Design no Linux, é a falta de um IDE que tenha suporte para as várias linguagens para páginas Internet, nomeadamente, PHPCSSJavaScript e HTML. Essa dificuldade torna-se evidente quando se conhece o Dreamweaver, que é um verdadeiro ambiente de desenvolvimento dedicado ao Web Design, e não se encontra programas que façam algo semelhante. Ora, o Aptana é um IDE que tentará colmatar essa grave lacuna no Linux, por isso continue a ler para saber mais sobre o Aptana.
Aptana Studio
Aptana é um IDE multi-plataforma open-source baseada no Eclipse e que suporta uma grande quantidade de linguagens de WebDesign. É compatível com as seguintes linguagens: CSSHTMLJavaScriptPHPRuby on RailsAdobe Air e muito mais, bastando, para isso, instalar o plugin apropriado.
Claro que o facto de ser compatível com estas linguagens não o torna um grande programa, aliás o Gedit é compatível com essas linguagens, e coloriza o código, mas não é, de forma alguma, um IDE aconselhável. O que torna o Aptana especial são as várias características que tornam o desenvolvimento mais rápido e simples, aproximando-o assim, do Dreamweaver.
AutoComplete do Aptana
Uma das características mais importantes de um IDE é o assistente de desenvolvimento que apresenta as várias funções/tags disponíveis para programar. Junto a esse assistente, normalmente, vem também um autocomplete de código que, no caso de haver apenas uma função ou tag disponível, ele completa automaticamente. Como é óbvio, o Aptana tem essa funcionalidade e, para além disso, essa funcionalidade é ainda mais completa que o normal, pois diz se determinada função é compatível com o Internet Explorer ou Firofox.
Funcionalidade "Split" do Aptana
Outra funcionalidade importante do Aptana é a capacidade de mostrar o resultado do código programado. O Aptana, para além da clássica opção de Preview, ainda tem uma funcionalidade extremamente importante que permite “partir” o ecrã a meio e mostrar de um lado o código e do outro o resultado. Para activar essa opção vá a Window→Preferences e, na nova janela: Aptana→Editors→HTML→Vertical Split View e reinicie o programa.
Funcionalidades de FTP e SVN do aptana
Como qualquer IDE, o Aptana também tem funcionalidades de indexação, tais como amostragem das várias funções programadas/disponibilizadas pelas bibliotecas importadas, amostragem dos ficheiros do projecto que estão no seu PC ou em FTP. Caso o utilizador goste de utilizar um sistema de controlo de versões, oAptana continuará a ser a melhor opção, pois é compatível com o SVN.
Por fim, como bom IDE que é, o Aptana tem um sistema de Debug que é extremamente importante para qualquer programador.
Plugins do Aptana
Aptana tem ainda muitas outras funcionalidades que cada utilizador deverá procurar ou na própria aplicação ou através de possíveis plugins que possa instalar para tornar o ambiente de trabalho mais pessoal e, por isso, mais eficiente.

Instalação

Actualmente, e infelizmente, ainda não existe nenhum repositório que nos possibilite instalar e manter o Aptana actualizado. Por isso, para o instalar, será necessário fazer download do ficheiro de instalação e, posteriormente, será necessário criar os atalhos manualmente.
A fazer download do Aptana
Desta forma, comece por visitar a página seguinte e faça download do ficheiro do programa:
A descompactar o programa numa pasta segura
Depois de fazer download do programa, descompacte-o e guarde a pasta resultante numa localização segura pois é o próprio programa e haverá links a apontar para a pasta. No meu caso, guardei o programa numa pasta oculta chamada “.bin” da minha pasta pessoal, ou seja, em:
/home/claudio/.bin
Depois, para executar o programa, basta dar duplo clique no ficheiro “AptanaStudio” da pasta descompactada. Para evitar trabalho desnecessário deverá criar um atalho no Menu Principal do Painel do Gnome.
Local do programa

Crie um atalho para o Aptana

Para criar um atalho no Menu do Painel do Gnome, clique na tecla da direita do rato em cima do menu e escolha a opção “Editar Menus”. Na janela que abrir, seleccione a secção onde quer adicionar o programa (aconselho a secção Desenvolvimento) e clique no botão “Novo Item”. Na nova janela deverá preencher da seguinte forma:
  • Nome: “Aptana Studio”
  • Comando: Clique no botão “Navegar” e navegue até ao ficheiro “AptanaStudio” referido acima.
  • Comentário: “IDE para WebDesign”
A adicionar atalho ao Menu Principal

Fonte:http://ubuntued.info/aptana-o-substituto-do-dreamweaver-para-linux
Credito total::http://ubuntued.info Publicado por  a 28 de Julho, 2009  no site ubuntued
RECOMENDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

............