sábado, 13 de setembro de 2014

0xHacking Antifascista

Hack (do verbo Inglês "to hack", que significa "cortar")1 é um termo que refere-se à reconfiguração ou reprogramação de um sistema de função de forma que não autorizada pelo proprietário, administrador ou designer. O termo tem vários significados relacionados com a tecnologia e ciência de computação: pode se referir a uma correção ou melhoria rápida e inteligente de um problema de programa de computado.  Hack ou hacking antes de tudo é uma ideologia de união na internet, Cogido livre, Acesso a informação e combate direto contra governo e seus meios de censura web.


Hack (do verbo Inglês "to hack", que significa "cortar")1 é um termo que refere-se à reconfiguração ou reprogramação de um sistema de função de forma que não autorizada pelo proprietário, administrador ou designer. O termo tem vários significados relacionados com a tecnologia e ciência de computação: pode se referir a uma correção ou melhoria rápida e inteligente de um problema de programa de computado.

Hack ou hacking antes de tudo é uma ideologia de união na internet,
Cogido livre, Acesso a informação e combate direto contra governo e seus meios de censura web.

- Hacking vai além do deface e um By meunome.
- Hacking é subversão.
- Hacking é compartilhamento livre do conhecimento.

Foi dessa ideologia que surgiu o Cypherpunk onde seu principal objetivo é usar criptografia como arma.

Com o grande poder que hoje é contido na internet governos, grupos fascistas, pedófilos, religiosos extremistas entre outros círculos de "cidadãos de bem" tem alastrado-se igual um worms, propagando ameças, comentários racistas & machistas entre os outros de extremismos conservador.

Uma pesquisa rápida no Facebook/Google podemos encontrar desde paginas que propagam racismo a pages propagam ideias de estupros que caracterizam a mulher como ser inferior.

Então fica uma dica pra quem está querendo conhecer o mundo hacking ou que já está nele.
- Hacking é subversão e não cooperação com sistema.
- Hacking é ação direta contra grupos de repressão,censura ou que propagam ódio, E não o site da padaria pra por no seu ZONE-H.

De todos para todos:

Neither war between hackers, nor peace for the system.
Devemos combater o fascismo dentro e fora da internet.

Conheça um pouco do Antifascismo 

# Antifascismo -

Luta absoluta contra o fascismo, nazismo, golpismo, capitalismo, racismo, machismo, homofobia, transfobia, xenofobia e todos os extremismos conservadores que estão inseridos na sociedade através de discursos tendenciosos.

# Como surgiu -

A Ação Antifascista nasceu da união entre os anarquistas e os comunistas tendo um único inimigo em comum: o fascismo. Essa união se deu não através de idealizações políticas em grupos com características próprias mas, sim através da realidade cotidiana ao analisar a sociedade e perceber o risco eminente de uma extrema-direita forte, com poderes institucionais ou militares.
Como a história nos mostra, esses totalitarismos políticos/ideológicos são um risco a liberdade de expressão cultural e social, por isso é de total importância a formação de um movimento unido contra esses grupos intolerantes que almejam o poder político dentro de nossas cidades.
O nazismo e outros regimes totalitários demonstraram uma necessidade urgente de colocar dentro do nosso cotidiano uma cultura antifascista, negando, desse modo, qualquer valor que incentive o fundamentalismo/dogmatismo.
A tendência antifascista é libertária, pois, se coloca contrária aos sectarismos dos grupos que combatemos, ou seja, todos que compartilham das mesmas ideias são bem-vindos.
Todos que desejam levantar a bandeira da luta antifascista devem abandonar posturas machistas, sexistas, transfobicas, homofóbicas, misógenas, xenofobicas, extremismos religiosos/ideológicos, nacionalismos e tudo aquilo que não tenha coerência com o histórico de luta da Ação Antifascista em todos os seus anos de combate a opressão tanto da sociedade como do sistema.

# Métodos -
Ação Direta.

A ação direta sempre foi uma das principais características da luta antifascista, surgindo como uma resposta agressiva a intolerância da extrema-direita. Conhecendo a realidade das ruas, sabemos que existem grupos que perseguem e utilizam da violência para coagir todos aqueles que são contrários ao seu modelo de sociedade perfeita. White Powers (nazistas), carecas (nacionalistas), integralistas entre outros, espalham discursos de ódio utilizando o medo para atingir seus objetivos. Por este motivo, a autodefesa é algo de extrema importância para nossa integridade física meio a uma ameaça de agressão, afinal, com esses militantes não existe o diálogo.
Por compreender a importância de uma linha de frente forte contra esses grupos nas ruas, muitos Antifas organizam grupos autônomos em suas regiões e combatem o fascismo de forma mais exaltada e prática. O objetivo é fazer os radicais da extrema-direita retrocederem em suas perseguições a pessoas desprotegidas e limpar regiões de grupos extremistas que possam vir a agredir outras pessoas. Esses grupos Antifas atuam de forma descentralizada e sem lideranças; respondem às necessidades dos respectivos lugares que residem; carregam características próprias ideologicamente e culturalmente falando, porém com um objetivo em comum: lutar contra o fascismo.

Conhecimento.

Estudar é importante principalmente para você não se tornar aquilo que combate, para saber criticar aquilo que se critica e o por que de criticar. Talvez esse seja o principal método de se combater o fascismo e seus adjetivos. Conhecer, entender e refletir é o caminho mais seguro para uma consciência tranquila.
Não tenha preguiça! Leia...

Intervenção.

A intervenção é outra ação importante dentro do antifascismo, através dela fortalecemos a oposição ao fascismo.
A arte sempre foi ligada ao movimento antifascista pois com ela podemos passar mensagens muito mais profundas, ela fortalece a reflexão,
utilizamos a subversão no lugar da doutrinação.
Posters colados nas ruas, stencils, grafites, tudo aquilo que for divulgar o movimento é de extrema importância. Quanto mais mostrarmos que estamos nas ruas, mais intimidaremos os grupos que combatemos e instigaremos a curiosidade das pessoas a respeito do assunto.

Mobilização popular.

Organizar movimentos e atos contra políticas e grupos conservadores que tentem se levantar como alternativa é de extrema necessidade, lembrando que um antifascista nunca impõe seu ideal e sim o defende! Todos devem estar dispostos a se unir nas ruas contra qualquer ameaça fascista que venha surgir.

# Organização -

A ação antifascista nunca foi um movimento de unidade e institucionalizado, ela mantém-se descentralizada e totalmente autônoma.
Existem diversos grupos e coletivos antifascistas que atuam em combate ao fascismo. Não existem lideranças nem hierarquias.
Cada célula tem seus critérios e métodos de ação, e tem total liberdade para militar da forma que acharem mais conveniente, sempre visando a coerência da bandeira Antifa.

# Objetivos - 

Jamais deixar movimentos totalitários crescerem em nossas cidades, combater grupos que utilizam da violência para espalhar intolerância, fortalecer seu local Antifa e ser solidário aos camaradas de luta.

Qualquer duvida nos mande mensagem via inbox.

Antifa Unida!
Nunca dividida!

https://www.facebook.com/AntifascistaBrasil/photos/pb.414425795343798.-2207520000.1410638585./609259885860387/?type=3&theater

https://pt.wikipedia.org/wiki/Cypherpunk

Nenhum comentário:

Postar um comentário

............